Sob o mesmo céu: a mais nova boa produção de Cameron Crowe

Por Nando Oliveira

 

Nota: 7/10

 

 

“O militar Brian Gilcrest (Bradley Cooper) é enviado de volta para o Havaí, sua terra natal, para supervisionar o lançamento de um satélite. Lá, ele se reaproxima de um amor do passado (Rachel McAdams), ao mesmo tempo que começa a se apaixonar por uma piloto da Força Aérea (Emma Stone).”
Cameron Crowe dirigiu filmes inesquecíveis pela sensibilidade com que as personagens nos são apresentadas, a exemplo de Vanilla Sky (2002), Jerry Maguire – a grande virada (1996) e Quase famosos (2000). “Sob o mesmo céu” não é diferente, mas não é a obra-prima de Crowe.

 

11701421_853361858074156_1642243462_o
A trilha sonora é impecável, incluindo músicas de Bob Dylan, David Bowie, Eddie Vedder, Kodaline, Beck, Elvis Presley, e muitos outros. São quase 50 músicas apresentadas no filme, mas só 19 estão na trilha sonora oficial.
Bradley Cooper, Emma Stone, Rachel McAdams e John Krasinski estão muito bem, sem exageros nas interpretações. Eles formam casais cujo nível de maturidade surpreende, fugindo do clichê das tradicionais e cansadas comédias românticas. Às vezes não é preciso nenhuma palavra para as personagens se entenderem.

11705975_853361874740821_427367808_o
A fé e religiosidade do povo havaiano são destacadas no filme com rituais, danças e costumes. “O céu é sagrado” diz o chefe da tribo, e essa frase é repetida diversas vezes.
“Sob o mesmo céu” não se torna um grande filme pela falta de ligação entre as cenas, ou pela pouca exploração dos muitos elementos que o filme apresenta: Nem o satélite armado, nem o exército, nem os romances antigos e novos, e nem mesmo o Havaí é apresentado no filme com maior ênfase (o título original é “Aloha” e para os antigos polinésios essa palavra é uma transmissão de vibrações positivas, um estado de espírito, mas atualmente a expressão é utilizada para dizer “olá” ou “Tchau”).

sobomesmoceu

Porém, é um filme com várias surpresas e reviravoltas, com algumas doses de comédia, que somam a favor e fazem valer a pena assistir.

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: