Odd Mom Out (USA): Primeiras Impressões

Por Neildo Araújo

 

O canal Bravo, dos EUA, não tem tanta experiência em séries roteirizadas. Com pouco mais de 35 anos no mercado, tem sua programação composta basicamente de realities shows dos mais variados. Com a recente explosão no mercado da produção de séries de TV, assim como muitos outros canais pequenos, o Bravo decidiu apostas. Depois da deliciosa “Girlfriend’s Guide to Divorce”, que estreou em dezembro do ano passado, para a Summer desse ano, a Bravo preparou uma nova comédia, criada e estrelada por Jill Kargman, baseada no seu próprio livro, 2007 Momzillas.

A série segue a vida de Jill (Kargman) uma mulher que vive em Nova Iorque com o marido Andy (Andy Buckley, de The Lying Game) e os três filhos. Tentando se manter fiel aos seus sonhos e personalidade, ela ainda luta para criar um bom relacionamento com a família do marido, obcecada pelo status e as aparências. Para isso ela conta com a ajuda da amiga KK Glick (Vanessa Wrigley), uma médica que sempre tenta manter Jill em sua sanidade. Destaco ainda a participação de Abby Elliot, como Brooke, cunhada de Jill.

A série teve uma boa recepção por parte da crítica e do público. Teve 10 episódios pedidos para a primeira temporada, que se encerra em 03 de agosto.

O que eu achei: Desde a estreia de “Mom”, em 2013 pela CBS, que eu não via uma série trabalhar tão bem seus personagens. A atuação de Jill e Andy, com uma ótima química, são primorosas. É divertido, empolgante, e as situações em que a protagonista se coloca são tão loucas e imprevisíveis que a gargalhada é certa. Com piadas ágeis e cheias de crítica social, tema recorrente nos trabalhos de Kargman, a série é uma boa pedida para quem quer algo leve. Fica na grade!

NEILDO ARAÚJO
NEILDO ARAÚJO

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: