O Famoso Letreiro de Hollywood

O famoso letreiro de Hollywood nas colinas de Los Angeles são um ícone da sétima arte. Representa glamour, grandiosidade, popularidade, renome e vários outros conceitos importados pela indústria cinematográfica.

z7

Foi construído em 1923, por H. J. Whitley. No seu surgimento o letreiro, não foi projetado para se tornar um ícone da indústria de filmes. O letreiro foi instalado no lado sul do Monte Lee, no Parque Griffith. As letras original de Hollywood tinham 9,1 metros de largura, 14 metros de altura e 4 mil lâmpadas. Sua fama de ponto turístico foi reconhecida com o tempo. No inicio o objetivo do letreiro de Hollywood era fazer propagandas e anunciar vendas dos imóveis nos arredores de Hollywood (que estava em expansão nas colinas de Los Angeles na época). No inicio se chamava Hollywoodland, igual o nome da região. As últimas quatro letras só pararam de ser utilizadas em 1949.

z2

Publicity photo for the Hollywoodland groundbreaking, complete with plow, mules and surveyors. From the book, 'The Hollywood Sign' by Leo Braudy. Published by Yale University Press. Courtesy of the Bruce Torrence Collection/Hollywood Sign Trust

z6

A expansão do cinema norte-americano, e a consolidação de Los Angeles como um importante reduto de astros e estrelas do cinema, fizeram com que o letreiro aparecesse em diversos filmes. Por isso, a prefeitura de Los Angeles resolveu deixar as letras no local.

Na década de 1970, o letreiro foi restaurado graças a doações de algumas personalidades importantes da época, como o editor Terrence Donnelly, Hugh Hefner, fundador da revista Playboy; e a empresa Warner Bros Records.

Uma curiosidade sobre o letreiro é que, ao longo dos anos, algumas mudanças foram feitas nas letras para criar homenagens em datas especiais. No ano de 1973, novas leis foram sancionadas na Califórnia e garantiam um controle mais relaxado em relação ao uso da maconha. Para comemorar esse feito, Danny Finegood colocou algumas cortinas nos dois últimos “Os” e fez algumas mudanças com panos nas letras, criando o termo “Hollyweed” – weed é um sinônimo para maconha em inglês. Em 1983, o letreiro foi trocado pelas palavras Go Navy (Vamos Marinha), uma homenagem à Marinha norte-americana. No ano de 1987, o letreiro ficou como HolyWood (Terra Sagrada), como homenagem ao Papa João Paulo II, que visitou a cidade em setembro de 1987.

z1

Apesar de ser um ponto famoso nos dias atuais, durante o decorrer das décadas o letreiro de Hollywood quase foi removido por fazer parte de um empreendimento imobiliário e passou por inúmeras reformas, já que as letras caíam constantemente. o letreiro enfrentou o ápice do descaso nos anos 70, quando o visual não ficou nem um pouco parecido com a ideia de Hollywood que nós temos hoje.

z3

Na atualidade o letreiro de Hollywood possui o seu próprio fundo (o Hollywood Sign Trust), permitindo que manutenções sejam feitas periodicamente. Os turistas que visitam Los Angeles também não podem mais ir ao lugar (pelo menos não oficialmente), já que existem leis que proíbem esse tipo de passeio, pois as letras estão em uma posição íngreme e existem riscos de morte e de picadas de cobras na região.

______________________________________________________________________

z33

Igor Quadros

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: