REVIVENDO MOMENTOS: O FILHO DE JOSEPH (2016)

Por Alysson Melo

 

Essa semana falaremos do longa mais recente do diretor Eugène Green, o diretor de A Religiosa Portuguesa e La Sapienza e produzido pelos irmãos Dardenne, e traz a história de Vincent (Victor Ezenfis)um jovem que vive com a sua mãe. Sem nunca ter conhecido seu pai, ele sai em busca de sua identidade. As investigações o levam a um cínico e maquiavélico escritor de Paris, que o fará tomar decisões drásticas.

 

3 Motivos para Rever ou Assistir pela 1º Vez:

 

1º O longa logo desde o seu início assim como os trabalhos anteriores do Eugène ele foca muito nos detalhes seja em close Up, nos objetos, nas locações, sempre com cores muito vivas, brilhantes e que deixam o filme muito mais atrativo além disso é bastante visual.

 

2º A história começa de uma forma bem morna, mas que aos poucos vai trazendo novas tramas e reviravoltas, é um filme bem gostoso de assistir porque trata de um assunto bem atual que é encontrar sua verdadeira personalidade, tendo base a família e os traumas e consequências de se descobrir sobre seu passado. O Roteiro é bem funcional assim como as atuações que estão na medida certa.

 

3º “O Filho de Joseph” é um drama familiar que aborda temas como traumas de infância, os bons valores, a religiosidade e a verdadeira amizade tão rara nos dias atuais, e essa história irá conquistar você.

______________________________________________________________

AUTOR DO TEXTO:

ALYSSON MELO

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: