Maratona: Comediantes em outros gêneros

Por: Rafael Mayrink

Existe alguns atores que já são conhecidos por seus estilos de filmes. Muitas vezes lembramos de alguma cena engraçada (ou sem graça) que ele fez em  um filme que gostamos. Mas também existe momentos que este mesmo atores sai da sua zona de conforto e decide arriscar em outros estilos de trabalho, e nesta maratona vamos indicar alguns destes momentos.

 

ADAM SANDLER

scr-3

Hoje, para muitos um dos piores atores de Hollywood, mas mesmo recebendo várias criticas e sempre fazendo o mesmo papel, Adam Sandler continua fazendo filmes que lhe rendem muito dinheiro. Reconhecido por filmes como Click, O paizão, Como se fosse a primeira vez e Gente grande, Sandler se arriscou em filmes de dramas como Reine sobre mim, e Homens, mulheres e filhos. O primeiro é um drama existencial, com a melhor atuação do ator em sua carreira, ele só não passa toda a carga dramática necessária para a história como também consegue fazer muita gente chorar. Já no filme de 2014 ele contracena com grande elenco e faz o papel de um marido amargurado que se distancia a cada vez mais da sua esposa. O ator já provou que sabe atuar, pode ser na comédia ou no drama, agora só é necessário ele lembrar como fazer isso.

BEN STILLER

a-vida-secreta-de-walter-mitty-a-gambiarra-2

Ben Stiller conseguiu fama fazendo seus papeis engraçados, seus principais filmes do gênero comédia esta Zoolander, Quem vai ficar com Mary, e a série Entrando numa fria que já foram quatro filmes. Mas seus últimos papeis tem sido diferente do que sempre era visto. Em  A Vida Secreta de Walter Mitty um filme com ótima fotografia e uma história no mínimo emocionante consegue cativar por toda sua mensagens em um mundo de “eu queria ter feito” ou “Ele é sortudo por ter conseguido aquilo”. E Enquanto somos jovens, já mostra o peso da idade para pessoas que chegam a fase adulta em mundo que temos que aprender a sempre ser melhor. Em ambos os filmes podemos ver uma pitada de humor, mas seu verdadeiro sentido é mostrar sobre a verdade sobre a vida e o que fazemos com ela, seja pelo desejo de conquistar ou não desanimar pelas dificuldades.

JIM CARREY

brilhoeterno

Jim Carrey ficou famoso com O máscara, Debi & Loide, e o detetive de animais em Ace Ventura, e para quem gosta do estilo comédia pastelão, dificilmente vai conseguir falar qual é o mais engraçado do ator. Mas ele também já provou que sabe fazer papeis de drama e a maior prova disso foi em O brilho eterno de uma mente sem lembranças, um filme que com pitadas de ficção e um romance no nível certo, com um ótimo elenco, direção e roteiro perfeitos, é um dos melhores, se não o melhor, trabalho do ator. Em número 23 Carrey se arriscou mais ainda quando aceitou fazer um suspense dirigido por Joel Schumacher, e mesmo que a critica não tenha recebido o filme com elogios, foi possível perceber que o público gostou, ou pelo menos estava curioso para saber como o ator estaria nesta nova etapa. É um filme mais denso, um suspense psicológico e uma história de cheia de reviravoltas, é bom, mas não do tamanho do ator, mas mesmo foi interessante vê-lo  de forma perturbador.

STEVE CARELL

gallery1

Famoso pelo seu papel na série The Office e em O Virgem de 40 anos, Carrel começou ganhar a fama em um filme de drama. No pequena miss Sunshine ele mostrou que sabia atuar e que poderia fazer um cara de poucos amigos. Mas depois começou a fazer comédia e assim sendo lembrados em muitos papeis do estilo. Mas ele voltou para o dramas em Foxchather, o filme que deu mais uma indicação ao Oscar para o ator, e não é por menos, ele está irreconhecível e perturbador, o filme é bastante lento, mas com ótimas atuações e um direção forte não deixar ficar cansativo. Já em Um divã para dois o ator faz pequena participação especial junto com Meryl Streep e Tommy Lee Jones, fazendo o papel de terapeuta, um bom filme para quem busca uma história de romance com pitadas de humor.

JENNIFER ANISTON

cake-still

Em 2014 quase tivemos uma surpresa no Oscar. Jennifer Aniston estrelou Cake – Uma Razão Para Viver, e foi uma das cotadas para concorrer ao prêmio daquele ano. E você já imaginou se um dos Friends ganhasse? Mas foi por pouco. E não que não seria merecido, o filme é bom com história de superação que ela carrega sozinha por conta de sua atuação, e como protagonista Aniston conseguiu convencer sobre seu sofrimento e as dificuldades de pessoas com dores (físicas e emocionais). Mas antes de fazer filmes como Família do bagulho, esposa de mentirinha e Quero matar meu chefe, ela também arriscou em um papel no suspense fora de rumo em que tem um ótimo roteiro, mas não bem executado assim. E fez muita gente chorar com Marley e eu.

WILL FERRELL

mSQ3wOj

Will Ferrell já foi protagonista de Quase Irmãos, O Ancora e Tudo por um furo, divertido e muito expressivo o ator sabe muito bem escolher seus papeis, principalmente quando se trata da comédia. Além de ter produzido vários filmes do estilo. Mas apesar disso ele fez dois filmes de dramas que não fez sucesso no país, mesmo sendo ótimos filmes. Em Pronto para recomeçar, Ferrell está quase o tempo todo sozinho, não esboça um sorriso e foge totalmente do seus papeis mais famosos, conseguindo surpreender até quem não gosta do ator.  Mais estranho que a ficção é um filme esquisito com uma história fantasiosa, mas ao mesmo tempo consegue prender quem o assiste. Então mesmo que você acha que ele não seja um bom ator, recomendo assistir a estes dois longas, pois merece uma chance para conhecer mais sobre o ator.

É sempre muito dificil sair da zona de conforto, e ver um ator que sempre gostamos em papeis diferentes é arriscado. Outros filmes atores que podemos citar é o Paul Rudd com os filmes As vantagens de ser invisível The Fundamentals of Caring que em ambos teve assunto uma história comovente. Owen Wilson bastante conhecido por comédias, conseguiu emocionar o mundo em Marley e Eu e ainda sobreviveu ao golpe do estado em Horas de Desespero. 

Por mais que alguns filmes da lista seja considerados como comédia, é possível ver a intenção da história mais levado para outro estilo. Deve ser visto de uma forma diferente.

E você, qual outro ator colocaria na lista? Deixe nos comentários.


 

Rafael Mayrink
Rafael Mayrink

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: