Crítica: Cinco Graças (2016)

Por Rafael Yagami

 

Reprimir nunca é bom, é isso que Cinco Graças tenta nos dizer. Fez passagem em diversos festivais de cinema e agora se encontra indicado ao Oscar de Filme estrangeiro, conta a história de cinco irmãs que depois de um passeio a praia com meninos da escola, são mantidas presas em casa e obrigadas a fazer serviços domésticos numa especie de treinamento de como ser a esposa perfeita.
1448070252784.cached

 

O filme conta com a direção estreante da Deniz Gamze Ergüven, que em seu primeiro trabalho se mostra ser uma excelente roteirista e ter uma bela visão para filmes polêmicos e humanos. É importante ressaltar a visão feminina este filme, ela trata a história com uma delicadeza interessante ao mesmo tempo mostrando detalhes explícitos desta realidade, enganasse quem acha que é uma ficção, histórias assim são realidade em diversas partes do mundo, na vida de várias meninas.

Tecnicamente é um filme funcional, trilha sonora é leve ou quase inquietante, fotografia interessante, é um filme bonito de se ver, direção de arte, figurino e maquiagem sem muito destaque, a estrela do filme é sem dúvidas o roteiro, escrito pela própria diretora com colaboração de Alice Winocour, se mostra bastante eficaz, o público se sente preso a trama e compra as dores das meninas, todas as sub tramas funcionam, nada está no filme atoa.

No elenco todas as cinco meninas estão excelentes, não são caricatas, cada uma com sua personalidade e trejeitos, todas atrizes estreantes, e se colocam no mercado cinematográfico como futura grandes atrizes. Destaque para Nihal Koldaş que faz a avó das meninas, é nela que está o treinamento das meninas, toda a repressão baseada em conceitos sociais e religiosos.

Mustang no original, se mostra um drama polemico que retrata temas como inicio da vida sexual, machismo, casamento forçado e repressão a juventude de formatura  de forma bastante eficaz, mesmo não sendo o mais forte candidato na corrida ao Oscar de melhor filme estrangeiro, é importante e merece ser conferido.
RAFAEL SOUZA DOMINGOS
RAFAEL SOUZA DOMINGOS

 

Nota: 10/10

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: