A Hora da Estrela | Jared Leto

A música e o cinema são artes que caminham juntas, seja nas trilhas sonoras ou em filmes musicais. Mas toda vez que uma ator resolve cantar profissionalmente ou um cantor atuar, sempre vez milhares de criticas e muitos questionamentos em relação ao seu talento. Afinal alguém consegue executar esses dois dons de forma plena e eficaz? Sim, e exemplos não faltam Barbra Streisand é um deles. Mas A hora da estrela de hoje vai falar de outro talentoso artista, que recentemente encerrou qualquer duvida existente quanto ao seu talento na arte da atuação. Ao vencer o Oscar 2014 de Melhor Ator Coadjuvante por Clube de Compras Dallas, Jared Leto, vocalista da bem sucedida banda da banda 30 Seconds to Mars, mostrou que sua estrela brilha muito, e não apenas cantando.
z1
Jared Leto nasceu em Bossier City, em 26 de dezembro de 1971, teve uma infância conturbada. Sua mãe, Constance Leto , se divorciou de seu pai quando Jared tinha apenas dois anos. Sua mãe casou novamente, desta vez com um italiano, do qual ele e seu irmão Shannon Leto adquiriram o sobrenome Leto; a partir daí passaram a mudar-se constantemente, chegando a morar no Colorado, Virginia, Wyoming e até no Haiti. Seu pai logo se casou de novo e morreu em um acidente. Jared teve seu primeiro emprego aos 12 anos – era lavador de pratos – mas seu salário era de apenas £ 1,57. Foi também aos 12 anos que Jared comprou sua primeira guitarra, provavelmente não com o dinheiro de seu salário, entretanto, o primeiro instrumento que aprendeu a tocar foi um velho piano quebrado, quando ainda era criança. Constance Leto sempre incentivou a arte de seus filhos, recentemente em uma entrevista com a revista Kerrang! Jared disse “Eu cresci em um ambiente de atores, músicos, fotógrafos, artistas e pessoas diferentes teatrais”.

z3 z4 z5

Em 1992 mudou-se para Los Angeles procurando a vida de ator, sem dinheiro nenhum, chegando a morar num abrigo. Conseguiu papéis pequenos em dois episódios da série “Camp Wilder”, e, dois anos depois conseguiu o papel de Jordan Catalano na série “My So-Called Life” – no Brasil conhecida como “Minha Vida de Cão” (Multishow) onde interpretava o objecto de desejo da atriz Claire Danes. A partir daí Jared passou a ser conhecido nacionalmente. A série foi cancelada no final da primeira temporada. Em 1995, Jared iniciou a sua carreira cinematográfica. O primeiro filme que participou foi “How to Make an American Quilt”, no qual faz um papel pequeno, mas de grande importância no filme. Em 1996, Jared ganhou relevo e actuou como protagonista em “Cool and the Crazy” e “The Last of the High Kings”.

z6
z7 z8

Em 1998, ele participou no filme Lenda Urbana, no qual fazia um dos papéis principais. Mas Jared passou a ser conhecido mundialmente pelo filme “Requiem for a Dream” (2000), em que interpreta um jovem viciado em drogas que tem a sua vida revolucionada pelo uso de substâncias. Para interpretar “Harry”, Jared perdeu 20 quilos para fazer a personagem o que prejudicou bastante a sua saúde.

Em 1999 Jared participou do filme Clube da Luta (Fight Club) no papel de Angel Face, um dos participantes do Clube da luta , o qual apanha muito do ator principal (Edward Norton) em uma luta até ficar com o rosto desfigurado.
Mas foi em “Alexandre, O Grande”, 2004, que Jared encarou um desafio: o de interpretar Hephaestion, o par amoroso de Alexandre, interpretado por Colin Farrell. Mais tarde, em entrevista, Colin referiu que Jared fazia qualquer homem duvidar a sua heterossexualidade.
Em 2005, contracenou com Nicolas Cage no filme O Senhor das Armas, no qual desempenha o papel de Vitaly Orlov, um dos personagens principais da trama.
Em 2007, interpretou o assassino de John Lennon, Mark David Chapman em “Chapter 27”. Jared ganhou quase 30 quilos para interpretá-lo, mas recuperou seu peso normal em semanas. Entretanto, o sacrifício rendeu-lhe problemas. Por causa da perda radical de peso com o término das gravações, Jared foi diagnosticado com gota.
Em 2009, interpretou o filme Mr. Nobody, onde interpretou Nemo Nobody em papel principal. O filme conta a história do ultimo mortal da Terra(Nemo Nobody), mostra como seu futuro e passado poderia ter sido diferente com apenas uma escolha.
Em 2013 Após vários anos fora do cinema por se dedicar à sua carreira como vocalista do 30 Seconds to Mars, Jared volta ao cinema no papel de Rayon, no filme Dallas Buyers Club, uma transexual portadora do vírus do HIV. A interpretação de Rayon rendeu à Leto o Globo de Ouro de melhor ator coadjuvante em cinema e um Oscar de 2014 na categoria de Melhor Ator Coadjuvante.
z1
Jared Leto caracterizado como Coringa para o filme ‘Suicide Squad.
 
______________________________________________________________________
z33
Igor Quadros 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: